Quero morar na praia

0 Flares Filament.io 0 Flares ×

Oi, meninas! Sumi nas últimas semanas porque a vida estava (e está) super atribulada! Mas vim escrever esse post porque quis dar umas dicas de coisas interessantes que tenho garimpado por aí.

Bom, eu não sei quanto a vocês, mas eu sou fascinada pelo estilo surf. Essa vibe garota de praia que marcas como a Farm incorporam tão bem e deixam a gente com vontade de passar o dia no mar, olhando o céu azul e deixando o corpo ser levado ao sabor das ondas.

PRAIA1

Vim contar pra vocês sobre uns achados dignos do estilo meu-escritório-é-na-praia. Se vocês tiverem outras dicas, deixem link aqui nos comentários, ok?

PRAIA2

A marca é da cearense Lígia Nântua, e ela faz as peças sob encomenda. Você escolhe modelo (que não varia muito), as cores e informa o tamanho. As sandálias são super descoladas, feitas artesanalmente, com cores fortes que são a cara do verão, cordinha de amarrar no tornozelo e um ar de praia inconfundível! Além de tudo são baratas! Pedi uma e a minha saiu por R$ 80,00. Tô super apaixonada! Por mim, não tirava do pé. O problema é que meu escritório não é na praia! L Achei no instagram e comprei pelo whatsapp! Super prático!

PRAIA3

Não sei se é mais certo chamar de marca ou de “movimento estético”. Os turbantes da designer Thaís Muniz, são, segundo ela, “experiência antropológica, política e artística”. Uau!

PRAIA4

Todas as fotos que ela expõe neste tumblr e que estão também na fan page tem forte influência de uma matriz africana, mas qualquer garota de praia sabe que turbantes são excelentes aliados pra proteger os cabelos do sol e dar aquele charme no visual. Não comprei com a Thaís, mas tenho dois e amo, Paula odeia. Alegre

PRAIA5

Branca como uma vela, depois do sol eu sempre fico vermelha feito um camarão e desboto em dois dias. L O incômodo é grande mesmo que eu não exagere. Tomo banho de hidratante e fico toda melecada. Por isso me surpreendi quando experimentei esse gel pós-sol. Eu simplesmente amei. Além de realmente dar uma acalmada na pele, é leve e refrescante. O apelo do produto é grande mesmo: tem coisa mais praia do que água de côco?

PRAIA6

A onda étnica veio e ficou. Na verdade, o canto do cisne parece até já ter começado, mas eu, particularmente, ainda não perdi a vontade de me enfiar nos shorts jeans com estampas étnicas. Enquanto as calças com essa vibe são super gipsy, as peças de perna de fora reúnem o melhor de dois mundos – não pesam no visual completo e são cheias de informação de moda. Eu adoro!

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

Leave a Reply